Archive for the 'FdP' Category

15
Set
09

Alguém me diga que isto não é assim…

É isso mesmo que eu peço.. que alguém me diga que isto não é bem assim.. que é um exagero de leitura, e que nem sequer passa pela cabecinha dos meninos da DGCI e Gestapo Seg.Soc., dar este tipo de tratamento…

“As retribuições do trabalho vão ser mais oneradas com o aumento dos encargos sociais. Subsídios de refeição, ajudas de custo, utilização de automóvel da empresa são exemplos de despesas abrangidas pelo novo Código Contributivo. Além da incidência de IRC à taxa de 10%, estas despesas vão ser oneradas pela Taxa Social Única, representando um encargo adicional de 34,75%.

(…)

Trabalhadores independentes, desportistas, IPSS, pré-reformados, reformados e até padres vão ter agravamento nos custos da actividade, sem obter contrapartidas.

(…)

É o caso do subsídio de refeição, ajudas de custo, utilização de automóvel da empresa, prémios livres, assim como todas as retribuições adicionais que possam ser atribuídas pelas empresas aos seus colaboradores. Estas despesas, que estavam isentas de Taxa Social Única e dentro de determinados limites estavam também isentas de IRS, passam a ser fortemente tributadas, representando um encargo adicional de 34,75% em Taxa Social Única (23,75% a cargo das empresas e 11% a cargo dos empregados).

(…)

Para um automóvel com o preço de venda de €25000, por exemplo, as empresas já estão sujeitas a tributação autónoma de IRC à taxa de 10%, ou seja, €2500. Com o Código Contributivo, vai acrescer TSU de 23,75% para a empresa e de 11% para o empregado, gerando um encargo adicional de €8687,5. Ou seja, só em IRC e TSU vai haver uma tributação adicional de 44,7% do PVP a somar ao ISV e IVA pagos na compra.

Esta roubalheira TEM de acabar!

Se foi para isto que se andou a dar “baliout” e afins à banca e industria automóvel, então não vão resultar, já que vai tudo para a falência/desemprego! Porque estas medidas são incomportáveis!

02
Fev
09

RSI (ex-RMG)

Na reportagem de hoje da TVI, Sopa dos Pobres, não pude deixar de me revoltar, a forma complacente com que a jornalista diz logo no início que o RSI “apenas custa 3 €/mês a cada trabalhador”.

É fazer pouco de todos aqueles que ganham 500, 400, 300 € e ás vezes menos, incertos, e mesmo assim são OBRIGADOS a entregar à Gestapo SS (Segurança Social) mais de 150 €/mês !

JÁ CHEGA!

04
Jan
09

FDP 37/2007

ups, L 37/2007

Onde está a prometida Lei da qualidade do ar, que supostamente seria para entrar em vigor dia 1 Janeiro 2009 ?

Se alguem souber da sua existência, agradeço informações.




Visitas

  • 12,014 carregaram na campainha

Calendário

Agosto 2017
S T Q Q S S D
« Jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031